Rio de Janeiro Comitê científico libera volta às aulas a partir do dia 2, diz Crivella

Comitê científico libera volta às aulas a partir do dia 2, diz Crivella

Prefeito do Rio afirmou que retomada de atividades presenciais ainda depende de análise sobre transporte,  segurança e consulta à população

  • Rio de Janeiro | Raíza Chaves, do R7*

Crivella retorna com recarga de 
cartão alimentação

Crivella retorna com recarga de cartão alimentação

Reprodução/RecordTV Rio

O prefeito do Rio Marcelo Crivella disse, nesta terça-feira (7), que o comitê científico municipal liberou o retorno das aulas presenciais a partir do dia 2 de agosto.

Em entrevista ao Cidade Alerta RJ, Crivella ressaltou que, se os índices da covid-19 se mantiverem, o ensino público estará autorizado a retomar as atividades nesta data.

No entanto, o prefeito afirmou que a decisão final depende ainda de análises em setores de transporte e segurança, além de consulta à população.

"Hoje, 60% não quer a volta à escola. Faremos novas pesquisas para verificar se temos segurança para voltar às aulas", disse.

Segundo o prefeito, 6.000 merendeiras já começaram a ser testadas para o novo coronavírus. A ideia é voltar aos trabalhos nas escolas pelos refeitórios com a alimentação das crianças.

Cartão alimentação

Crivella informou que voltará a fazer a recarga do cartão alimentação para todas as crianças do ensino público, mesmo que não tenham cadastro em programas sociais. 

O prefeito acrescentou que atendeu à recomendação do Ministério Público do Rio de Janeiro de universalizar o cartão.

"Antes, o cartão era R$ 100 para as crianças do Bolsa Família e do Cartão Carioca. Agora é para todas, mas por ser universalizado será R$ 50. Lembrando que 220 mil litros de leite já foram distribuídos e mais 200 mil cestas básicas de tal maneira que esse cartão, com a recarga de R$ 50, fica para as pessoas comprarem aquilo que não dá pra colocar na cesta básica.”

Assista ao vídeo:

*Sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas