Rio de Janeiro Covid: número de internados sobe de 18 para 742 no Rio neste mês

Covid: número de internados sobe de 18 para 742 no Rio neste mês

Na rede pública, total de hospitalizações pela doença cresceu mais de 4.000% desde o início do ano, segundo dados da prefeitura

  • Rio de Janeiro | Victor Tozo, do R7*

Rio tem 269 pacientes em tratamento contra Covid-19 em UTIs

Rio tem 269 pacientes em tratamento contra Covid-19 em UTIs

Agência Brasil

A cidade do Rio de Janeiro tem 742 pessoas internadas na rede pública devido à Covid-19 nesta terça-feira (18), de acordo com dados disponibilizados pela prefeitura, atualizados às 16h30. O número é o mais alto desde setembro do ano passado.

Na segunda (17), havia 644 hospitalizados pela doença na rede pública, de acordo com os mesmos dados. Destes, 375 estão em enfermarias e 269 em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva).

No 1º dia do ano, 18 pessoas estavam internadas na rede pública. Assim, o crescimento no número de hospitalizações observado até hoje é de mais de 4.000%. A ocupação de leitos de UTI está em 59%.

O aumento nas internações pela doença fez a Secretaria de Estado de Saúde suspender as visitas a pacientes com Covid-19. A medida não afeta o direito a acompanhantes de crianças, idosos, deficientes físicos e pacientes com transtornos mentais.

Nas últimas 24 horas, 13.699 casos de Covid-19 foram registrados na cidade e três pessoas morreram em decorrência da doença, segundo a prefeitura.

Desde o início do ano, o Rio vive um grande crescimento no número de infecções pelo coronavírus, que podem estar ligadas ao avanço da variante Ômicron, apontada como a mais transmissiva, na cidade. Em 2022, a capital fluminense já contabilizou 76.466 casos confirmados de Covid-19, com 36 óbitos.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas