Rio de Janeiro Cunhado de Luana Piovani é preso suspeito de tentar subornar policiais no Rio

Cunhado de Luana Piovani é preso suspeito de tentar subornar policiais no Rio

João Vitor Vianna teria oferecido R$ 2.000 a policiais para liberar dona de bar

  • Rio de Janeiro | Da Rede Record

João Victor Motta Vianna é suspeito de tentar subornar policiais

João Victor Motta Vianna é suspeito de tentar subornar policiais

Reprodução

O irmão do surfista Pedro Scooby, cunhado de Luana Piovani, foi preso na noite de quarta-feira (16) após tentar subornar policiais da 1ª DPJM (Delegacia de Polícia Judiciária Militar), da Corregedoria da PM, durante uma ação em um bar em Vila Isabel, zona norte do Rio, para apreender máquinas caça-níqueis. João Victor Motta Vianna, de 25 anos, teria se identificado como irmão do surfista e disse ter sido chamado pela gerente do bar para tentar negociar a liberação dela e das máquinas.

Ao todo, quatro pessoas foram presas durante a ação e seis máquinas apreendidas junto com material de jogo do bicho. Entre os detidos está Sheila Bezerra da Silva, de 48 anos, que é apontada como a gerente do estabelecimento.

Segundo a polícia, Vianna teria oferecido R$ 2.000 aos agentes para que não levassem a mulher presa e acabou detido. O promotor de eventos foi encaminhado para a delegacia da Tijuca (19ª DP) para prestar depoimento, enquanto a dona do bar e dois apostadores foram levados para a delegacia de Vila Isabel (20ª DP). Eles vão responder por corrupção ativa, cuja pena pode chegar a 12 anos de prisão.

O R7 tentou contato com a assessoria da atriz, mas não houve resposta até a publicação desta reportagem.

Veja o vídeo:

Últimas