Rio de Janeiro Eduardo Paes e Pedro Paulo são denunciados por crime eleitoral

Eduardo Paes e Pedro Paulo são denunciados por crime eleitoral

Segundo MPF, ex-prefeito e deputado fizeram carreata em dia de eleição

Pedro Paulo concorreu ao cargo de prefeito do Rio em 2016

Pedro Paulo concorreu ao cargo de prefeito do Rio em 2016

JOSE LUCENA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O  MPF (Ministério Público Federal) denunciou o ex-prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB), e o deputado federal Pedro Paulo (PMDB) por crime eleitoral. De acordo com a ação, os dois foram flagrados fazendo uma carreata no dia da eleição municipal de 2016.

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, apresentou a denúncia nesta terça-feira (14), ao STF (Supremo Tribunal Federal).

Segundo as investigações, o parlamentar e o ex-prefeito percorreram as zonas norte e oeste da capital carioca na manhã do dia da votação.

A ação criminosa - prevista no artigo 39 da lei 9.504/97 - foi fotografada por várias pessoas e divulgada em matérias jornalísticas.

Nos registros, a dupla aparece em um carro aberto, acenando para eleitores, que seguram bandeiras com o nome e o número por meio do qual pedro paulo concorria às eleições.

    Access log