Rio de Janeiro Família denuncia leite vencido em kit lanche para aluno de Tanguá (RJ)

Família denuncia leite vencido em kit lanche para aluno de Tanguá (RJ)

Pais reclamaram que itens são insuficientes para alimentar as crianças durante a pandemia. Prefeitura disse que vai entregar as cestas corretas

  • Rio de Janeiro | Do R7, com Record TV

Leite apresentava aspecto de estragado

Leite apresentava aspecto de estragado

Record TV

Com as aulas suspensas devido à pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura de Tanguá, na Região Metropolitana do Rio, enviou um kit lanche para suprir a falta de merenda no dia a dia de alunos da rede municipal. No entanto, familiares dos estudantes denunciaram que a doação não oferecia itens suficientes para alimentação das crianças e que havia até produto com aparência de estar estragado na cesta.

Pai de um dos estudantes, Dersan Rodrigues disse que o filho recebeu um kit, no qual a caixa de leite tinha um prazo de validade que terminava em dois dias.

"É importante ressaltar que muitos alunos da rede municipal dependem da merenda escolar como fonte de alimentação. É muito grave isso", afirmou.

Já Cristiane Freire, que é mãe de outro aluno, reclamou da quantidade dos produtos na cesta.

"Uma caixa de leite, um pacote de biscoito em três meses as crianças sem ir para escola, vocês, prefeito e  vereadores, acham que isso sustenta? Vocês acham que isso dá para quantos dias?", questionou.

Em nota, a Prefeitura de Tanguá disse que os itens não representam os kits que deveriam ser entregues e, por isso, os pais serão chamados para receberem a cesta correta.

Últimas