Rio de Janeiro Homem é preso suspeito de usar filha como “isca” para estuprar crianças no Rio

Homem é preso suspeito de usar filha como “isca” para estuprar crianças no Rio

O idoso abusava de meninas havia nove anos; três irmãs teriam sido vítimas

Homem é preso suspeito de usar filha como “isca” para estuprar crianças no Rio

Reprodução Rede Record

Adilson Domingos da Silva, de 62 anos, foi preso suspeito de estuprar crianças nos últimos nove anos em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Segundo as investigações, ele cometia os abusos quando a filha convidava as amigas para brincar em casa.

O idoso estava escondido em Nova Friburgo, na região serrana, quando foi capturado. Na delegacia, ele teria confessado os crimes, mas, quando perguntado pela reportagem da Record Rio sobre os estupros, alegou inocência.

Uma menina de oito anos contou à mãe que Adilson passou a mão nas partes íntimas dela há cerca de duas semanas. A Deam (Delegacia Especial de Atendimento à Mulher) iniciou as investigações e descobriu que o histórico de violência do suspeito é antigo.

Ele vai responder a pelo menos três crimes de estupro e pode pegar até 30 anos de prisão. Um homem contou à reportagem da Record que descobriu que Adilson abusou sexualmente das três filhas dele, que hoje têm 18, 15 e 9 anos.

Assista ao vídeo: