Rio de Janeiro Justiça denuncia homem preso por furto de bicicleta no Leblon

Justiça denuncia homem preso por furto de bicicleta no Leblon

Crime aconteceu no último dia 12 e teve grande repercussão na mídia após instrutor de surfe ser acusado injustamente

A Justiça denunciou na quinta-feira (17), o homem de 22 anos acusado de furtar uma bicicleta elétrica no Leblon, zona sul do Rio de Janeiro. O suspeito foi preso no mesmo dia, na região.

Caso aconteceu no último dia 12, na zona sul da cidade

Caso aconteceu no último dia 12, na zona sul da cidade

Reprodução/Record TV Rio/Polícia Civil

O crime aconteceu no último dia 12, por volta das 16h e teve grande repercussão na mídia, depois que a proprietária da bicicleta, Mariana Spinelli, e seu companheiro, Tomás Oliveira, abordaram o instrutor de surfe Matheus Ribeiro, negro, dizendo que ele tinha sido autor do furto. 

O acusado foi localizado por agentes da 14ª DP (Leblon), após identificação por meio de imagens de câmeras de segurança. Igor Martins Pinheiro, é um jovem branco, de 22 anos, morador de Botafogo, da mesma região, e possui 28 anotações criminais, sendo 14 delas por furto de bicicletas. Ele foi preso no próprio apartamento, onde foi apreendida a bermuda que ele usava no momento do crime.

Caso

O instrutor de surfe Matheus Ribeiro, de 22 anos, expôs o racismo que sofreu em um vídeo postado nas redes sociais. No relato, a vítima diz ter sido acusado de ter roubado a bicicleta da jovem e mesmo depois de mostrar fotos antigas com o objeto, a dupla ainda tentou abrir, sem permissão, o cadeado.

No mesmo dia, Matheus registrou um boletim de ocorrência online. A vítima esperava a namorada em frente a um shopping do bairro nobre carioca. "São coisas que encabulam o racista. Eles não conseguem entender como você está ali sem ter roubado dele, não importa o quanto você prove", completou Matheus em uma publicação.

Com a repercussão do caso, o casal foi demitido de onde trabalhava. Mariana era professora em uma escola de dança e Tomás era funcionário de uma papelaria.

*Sob supervisão de PH Rosa

Últimas