Rio de Janeiro Justiça do Rio afasta torcidas organizadas de Flamengo e Vasco de eventos esportivos

Justiça do Rio afasta torcidas organizadas de Flamengo e Vasco de eventos esportivos

Decisão ocorre após confrontos entre grupos dos dois times que terminaram com um morto e sete pessoas feridas

Torcidas organizadas do Flamengo e Vasco não podem frequentar estádios

Torcidas organizadas do Flamengo e Vasco não podem frequentar estádios

ALEXANDRE BRUM/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDO - 05.03.2022

A Justiça do Rio determinou o afastamento de duas torcidas organizadas do Flamengo dos jogos realizados no país.

Segundo a decisão do juiz Bruno Arthur Mazza Vaccari Machado Manfrenatti, do Juizado Especial do Torcedor e dos Grandes Eventos da Capital, estão proibidas de frequentar os jogos a Raça Rubro-Negra e a Torcida Jovem do Flamengo.

Além disso, o magistrado revogou decisão anterior que suspendia o afastamento da Força Jovem do Vasco de estádios e praças desportivas.

De acordo com o TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro), os integrantes das torcidas flamenguistas devem manter distância de pelo menos 5 km dos locais de jogos ao utilizar qualquer elemento que identifique a torcida.

No caso da Força Jovem, o juiz determinou o afastamento de seis torcedores de forma individual.

A decisão foi publicada depois dos confrontos entre torcidas no último domingo (5), antes e depois do jogo entre Flamengo e Vasco, quando um torcedor morreu e sete ficaram feridos.

Últimas