violência contra a mulher

Rio de Janeiro Mulher é morta com tiro na testa pelo parceiro no Dia dos Namorados

Mulher é morta com tiro na testa pelo parceiro no Dia dos Namorados

Suspeito está detido após agentes desconfiarem da versão de que jovem teria tirado a própria vida. Vítima deixou dois filhos

  • Rio de Janeiro | Rafaela Oliveira, do R7*, com Record TV Rio

Laís morreu com um tiro na testa na casa do namorado, que foi preso em Santa Cruz

Laís morreu com um tiro na testa na casa do namorado, que foi preso em Santa Cruz

Reprodução/Record TV Rio

Uma mulher de 25 anos morreu com um tiro na testa na manhã deste domingo (12), dia dos namorados, no bairro de Santa Cruz, zona oeste do Rio de Janeiro. Há indícios de que ela tenha sido assassinada pelo parceiro, com quem tinha um relacionamento recente de aproximadamente duas semanas.

Magno Pinho Rocha, de 29 anos, foi preso e prestou depoimento, acompanhado da mãe. Segundo a Polícia Militar, a versão do suspeito era de que a vítima teria tirado a própria vida após uma discussão do casal.

No entanto, o rapaz afirmou ter jogado a arma em um córrego perto de casa, onde tudo aconteceu. Houve buscas, mas o artefato não foi encontrado. Os agentes estranharam a versão do rapaz e acionaram a Divisão de Homicídios da Capital, que fez perícia no imóvel. 

De acordo com familiares de Laís Batista da Silva Rocha dos Santos, ela conheceu Magno em um aplicativo de relacionamentos. O homem não tinha antecedentes criminais.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal do centro da cidade. Laís deixou dois filhos, um de cinco e outro de oito anos. Ainda não há informações sobre o enterro da jovem. 

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas