Na Justiça, réu confessa agressão a cachorros em pet shop do Rio

Homem disse que bateu nos animais porque estava estressado

Daniel Henriques foi flagrado agredindo cães em pet shop

Daniel Henriques foi flagrado agredindo cães em pet shop

Reprodução

Em depoimento na 31ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, Daniel Henriques confessou ter agredido dois cachorros no pet shop em que trabalhava, de nome Quatro Patas, no Engenho de Dentro, na zona norte do Rio. As cenas do espancamento foram gravadas por um ex-funcionário da loja e causaram revolta nos donos dos cães, em novembro de 2012.

Daniel e a mãe dele, Solange Barroso Ferreira, que era dona do estabelecimento, respondem a um processo por agressões a 14 animais domésticos. Em depoimento na terça-feira (1º), Daniel afirmou que “descontou” a raiva dele nos bichos porque havia brigado com dois ex-sócios da loja. “Infelizmente descontei nos dois cães. Fui irresponsável, mas não sou esse monstro que a televisão mostrou”, afirmou o réu.

Nos vídeos que comprovam as agressões, Daniel aparece dando socos, tapas e jogando água no focinho dos cachorros. Ele chegou a usar parte dura de uma garrafa plástica para atingir a cabeça de um bichinho, que chorou.

A outra ré, Solange afirmou que não sabia das agressões: “a loja tinha mais de três mil clientes. O ambiente era limpo e organizado. Não recebi reclamações desse tipo, nunca imaginei que algum dia fosse passar por essa situação”.

O processo entra agora em fase de alegações finais, para então ser aplicada a sentença. Assista ao vídeo: