Rio de Janeiro PF faz operação contra tráfico internacional de pessoas no RJ

PF faz operação contra tráfico internacional de pessoas no RJ

Ação mira esquema criminoso responsável por adulterar documentos de recém-nascido para adoção ilegal na Alemanha

  • Rio de Janeiro | Rafaela Olivieira, do R7*

Divulgação/Polícia Federal

A Polícia Federal realiza uma operação contra o tráfico internacional de pessoas nesta sexta-feira (11), no Rio de Janeiro. Segundo as investigações, um esquema criminoso é responsável por adulterar documentos de um recém-nascido para adoção ilegal na Alemanha. O alvo da ação é a casa da mãe do bebê, em Anchieta, na zona norte do Rio.

De acordo com a PF, os criminosos registraram a criança com um pai biológico angolano, com cidadania portuguesa, mas residente na Alemanha. No dia 11 de fevereiro de 2020, o recém-nascido foi transportado do Rio para a Europa.

As investigações da operação Kinder começaram em agosto do ano passado. Hoje, os agentes cumprem um mandado de busca e apreensão, expedido pela 4ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, na residência da mãe do bebê.

O próximo passo é comunicar as autoridades alemãs, por meio da Cooperação Jurídica Internacional.

Os suspeitos responderão pelo crime de tráfico de pessoas, sob ameaça, violência ou abuso, aumentada em 1/3 da pena por tráfico internacional, podendo chegar a 11 anos de reclusão.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas