Rio de Janeiro Polícia faz ação contra integrantes de torcida organizada do Vasco

Polícia faz ação contra integrantes de torcida organizada do Vasco

Agentes cumprem 18 mandados de busca e apreensão contra homens envolvidos em uma briga no aeroporto internacional do Galeão, em outubro

  • Rio de Janeiro | Lucas Ferreira, do R7*

Câmeras do aeroporto ajudaram na investigação

Câmeras do aeroporto ajudaram na investigação

Reprodução/Record TV Rio

A Polícia Civil realiza nesta quinta-feira (5) uma operação contra integrantes de uma torcida organizada do Vasco, suspeita de envolvimento em uma briga, no aeroporto Internacional do Galeão, Ilha do Governador, zona norte do Rio de Janeiro. O confronto entre torcedores do próprio time ocorreu em outubro.

Tribunal decide se prossegue com processo de impeachment de Witzel

Os agentes da Dairj (Delegacia do Aeroporto) tentam cumprir 18 mandados de busca e apreensão nas casas dos integrantes de uma das torcidas organizadas do Vasco. Em algumas residências foram apreendidos bandeirões e outros artigos, como camisas.

As câmeras de segurança do Galeão flagraram o momento da briga em que integrantes da organizada e dissidentes se enfrentaram dentro e fora das dependências do terminal do aeroporto. A briga aconteceu na madrugada seguinte à derrota do Vasco para o Bahia por 3 a 0.

De acordo com o delegado responsável pela operação, Adriano França, os 18 mandados de prisão serão cumpridos em 13 endereços. Nestes locais, segundo as investigações, morariam os suspeitos de efetivamente participar das agressões durante o confronto no aeroporto.

“Quem estava lá pacificamente ou não se envolveu diretamente na briga, nos confrontos, nas agressões, não estão nessa fase e foram ouvidos como testemunhas. Os que participaram efetivamente agredindo torcedores, esses 13 estão sendo investigados e possivelmente serão indiciados.”

Menina de 12 anos é atropelada por trem na Baixada Fluminense

Em nota, a Polícia Civil informou que entre os torcedores investigados estão suspeitos que possuem anotações criminais por homicídio, assim como outros crimes enquadrados no Estatuto do Torcedor.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas