Rio de Janeiro Policial morre após ser baleado em assalto a barbearia no Rio

Policial morre após ser baleado em assalto a barbearia no Rio

Capitão da PM, Anderson Azevedo Galvão foi baleado quando cortava o cabelo após ser reconhecido por assaltantes; DH investiga

morte pm

Anderson Galvão foi morto em barbearia

Anderson Galvão foi morto em barbearia

Reprodução

Um policial militar foi assassinado, na tarde desta terça-feira (23), durante um assalto a uma barbearia no Pechincha, Jacarepaguá, zona oeste do Rio. A informação foi confirmada pela DH (Delegacia de Homicídios), que investiga o caso.

Cinco militares do Exército são condenados por desvio de R$ 11 mi

Anderson Azevedo Galvão estava no estabelecimento cortando o cabelo quando suspeitos armados entraram no local anunciando o roubo. Ao ser reconhecido como PM, ele acabou sendo baleado.

Galvão foi socorrido no Hospital Municipal Lourenço Jorge, mas não resistiu aos ferimentos.

Em nota, a DH informou que estão sendo feitas buscas por testemunhas e imagens que ajudem a identificar os suspeitos.