Prefeitura do Rio adia reabertura de cinemas e teatros

Crivella diz que ainda precisa avaliar o impacto da reabertura dos pontos turísticos antes de avançar para a próxima fase de flexibilização

A Prefeitura do Rio decidiu adiar a abertura dos teatros e cinemas do Rio, que estavam previstas para a fase seis da flexibilização das medidas de restrição contra o novo coronavírus. Segundo a administração municipal, a fase cinco foi estendida porque havia a previsão de abertura de todos os pontos turísticos nessa fase, mas isso não ocorreu.

Cinemas só devem reabrir na fase 6 de flexibilização

Cinemas só devem reabrir na fase 6 de flexibilização

Reprodução/Facebook

“O motivo principal é que as atividades previstas pra fase cinco não foram implementadas. Só agora, por exemplo, as áreas turísticas foram abertas. Então é preciso que a gente veja o impacto delas”, disse o prefeito Marcelo Crivella.

Com isso, a fase atual deve ser avaliada pelo comitê científico daqui a 15 dias, e então, será possível definir a reabertura dos teatros e cinemas.

Prefeitura do Rio volta atrás e cancela projeto de app para praias

Durante coletiva, Crivella também fez apelo a donos de bares para evitarem aglomerações.

“Por favor, evitem essas aglomerações, façam um esquema de marcação nas calçadas ou dentro dos bares para que as pessoas não aglomerem.”