Rio de Janeiro Prefeitura do Rio inicia demolição de prédios na comunidade da Muzema

Prefeitura do Rio inicia demolição de prédios na comunidade da Muzema

Segundo a prefeitura, as demolições serão feitas de forma manual e com auxílio de máquinas para não abalar os prédios das imediações 

Comunidade da Muzema, zona oeste do Rio

Comunidade da Muzema, zona oeste do Rio

Prefeitura do Rio

Os trabalhos de demolição de dois prédios no condomínio Figueiras do Itanhangá, na Muzema, no Rio de Janeiro, foram iniciados nesta quarta-feira (24). As duas construções ficam ao lado dos dois edifícios que desabaram no dia 12 deste mês, deixando 24 mortos e sete feridos.

Duas pessoas permanecem internadas: Paloma Paes Leme, de 44 anos, e o filho dela, Rafael, de 4 anos, estão na Unidade Intermediária Pediátrica do Hospital Miguel Couto, na Gávea, com quadro clínico estável.

Segundo a prefeitura, as demolições serão feitas de forma manual pela Secretaria Municipal de Conservação (Seconserva), com auxílio de máquinas para não abalar estruturalmente os prédios das imediações.

O trabalho deve durar 30 dias e está em avaliação a necessidade de contratar emergencialmente uma empresa para auxiliar na demolição, o que poderia acelerar o processo.

Últimas