Rio de Janeiro Rio inicia vacinação de portuários e aeroportuários nesta quarta

Rio inicia vacinação de portuários e aeroportuários nesta quarta

Pessoas com 59 anos ou mais e trabalhadores da educação com 44 também recebem primeira dose de imunização contra covid-19

Vacinação de portuários e aeroportuários foi antecipada

Vacinação de portuários e aeroportuários foi antecipada

Divulgação/Prefeitura do Rio

O município do Rio inicia, nesta quarta-feira (2), a vacinação de portuários e aeroportuários contra a covid-19. Todos serão atendidos nos locais de trabalho.

No Porto do Rio e no Aeroporto Santos Dumont, a aplicação de doses de vacina ocorrerá entre os dias 2 e dia 7 de junho, exceto no domingo, das 9h às 16h. Já no Galeão, a ação se estende até o dia 11 (menos no domingo), no mesmo horário. A vacinação nos três pontos será exclusiva para os profissionais que atuam nesses locais.

A imunização dos trabalhadores portuários e do transporte aéreo foi antecipada por recomendação do Ministério da Saúde. Ao todo, cerca de 16 mil pessoas serão contempladas com a vacinação.

Também nesta quarta, pessoas com 59 anos ou mais e profissionais da educação de 44 anos devem comparecer aos locais de vacinação para receberem a primeira dose.

Para se vacinar, é necessário levar documento de identificação original com foto, número do CPF e, se possível, carteira de vacinação. Os trabalhadores da educação devem apresentar contracheque ou declaração das instituições educacionais das redes de ensino público ou privado da cidade do Rio.

De 8 às 17h, gestantes e puérperas com comorbidades e acima dos 18 anos também podem ir aos postos de vacinação. Por orientação do Ministério da Saúde, este grupo recebe apenas as vacinas Pfizer e CoronaVac. É necessário apresentar laudo médico detalhado justificando a recomendação e avaliação da relação risco-benefício para a vacinação, além da assinatura do termo de esclarecimento.

No próximo sábado (5), haverá repescagem para vacinação de pessoas com comorbidades ou deficiência permanente. O objetivo é atender pessoas deste grupo que por algum motivo perderam o dia de receber a primeira dose.

Locais de vacinação

– Clínicas da família e centros municipais de saúde
– Planetário da Gávea
– Tijuca Tênis Clube
– Museu da República (Catete)
– Paróquia Nossa Senhora do Rosário (Leme)
– Casa Firjan (Botafogo)
– Jockey Club Brasileiro (Gávea)
– Hotel Fairmont (Copacabana)
– Museu da Justiça (Centro)
– Theatro Municipal (Centro)
– Cidade das Artes (Barra da Tijuca)
– Quartéis do Corpo de Bombeiros: Humaitá, Copacabana e Quartel de Busca e Salvamento (Barra da Tijuca)
– Imperator (Méier)
– Quadra do Cacique de Ramos (Olaria)
– Museu Conde de Linhares (São Cristóvão)
– Club Municipal (Tijuca)
– Palácio Duque de Caxias (Centro)
– Quadra da Portela (Madureira)
– Espaço Hall (Jacarepaguá)
– Espaço Cultural da Marinha (Centro)
– Quadra da Mocidade Independente de Padre Miguel
– Vila Militar (Deodoro)
– Centro de Instrução Almirante Milcíades Portela Alves (CIAMPA – Campo Grande)

Atendimento de 9 às 15h:

– UERJ (Maracanã) portão 1

Atendimento de 8 às 12h:

– ABBR (Jardim Botânico)
– Instituto Benjamin Constant (Urca)

Atendimento de 7 às 13h:

– Olaria Atlético Clube

Atendimento drive-thru de 8 às 17:

– Museu Aeroespacial (Campo dos Afonsos)
– Vila Militar (Deodoro)
– Centro de Instrução Almirante Milcíades Portela Alves CIAMPA (Campo Grande)
– Base Aérea do Galeão (Ilha do Governador)

Atendimento drive-thru de 9 às 15h:

– Parque Olímpico (Barra da Tijuca)
– Sambódromo (Santo Cristo)
– 01/06 e 02/06: Uerj (portão 7): somente segunda dose para idosos que receberam a primeira dose no local.

Últimas