Rio de Janeiro Rio: mulher morre baleada na CDD; PM diz que não havia operação

Rio: mulher morre baleada na CDD; PM diz que não havia operação

Vítima passava de carro com filho quando foi atingida; ela chegou a ser socorrida na UPA da comunidade, mas não resistiu

  • Rio de Janeiro | Rafaela Oliveira, do R7*, com Márcia Helena, da Record TV Rio

Mulher morre após ser baleada na CDD

Mulher morre após ser baleada na CDD

Reprodução/Google Street View - UPA Cidade de Deus

Uma mulher morreu após ser baleada na Cidade de Deus, zona oeste do Rio de Janeiro, na manhã desta segunda-feira (7). Segundo a Polícia Militar, não havia operação na comunidade.

Ainda de acordo com os militares, a vítima foi socorrida por moradores e levada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da região. "Infelizmente, a paciente não resistiu e foi a óbito", lamentou a direção da UPA em nota ao R7.

Os agentes receberam a informação de que a mulher estava acompanhada do filho em um carro quando foi atingida, na rua Edgard Werneck. Depois do ocorrido, policiais militares do 18º BPM (Jacarepaguá) fazem o reforço da segurança na comunidade.

Ainda não se sabe o que motivou o tiroteio. 

O filho da vítima irá à Delegacia de Homicídios da Capital, que investiga o caso. Não há informações sobre o enterro. 

*Estagiária do R7, sob a supervisão de PH Rosa

Últimas