Rio de Janeiro Rio: passageiros protestam contra precariedade do BRT na zona oeste

Rio: passageiros protestam contra precariedade do BRT na zona oeste

Avenida Dom João VI chegou a ficar totalmente interditada pelos manifestantes; grupo reclama de lotação e ônibus sucateados

Manifestantes protestam em frente a estação do Magarça, em Guaratiba

Manifestantes protestam em frente a estação do Magarça, em Guaratiba

Reprodução/Record TV Rio

Passageiros do BRT iniciaram um protesto na avenida Dom João VI, em Guaratiba, na altura da estação do Magarça, por volta das 7h desta sexta-feira (11). O motivo seria a precariedade do serviço.

Segundo os manifestantes, não havia veículos suficientes para atender a demanda no início da manhã. Alguns ônibus saíram lotados, com pessoas penduradas nas portas antes do protesto.

O BRT informou que já mandou articulados vazios para a estação, mas os manifestantes não queriam deixar as pessoas embarcarem.

Com o protesto, a via ficou totalmente interditada no sentido Recreio, mas, por volta das 7h30, duas pistas haviam sido liberadas, de acordo com o COR (Centro de Operações Rio).

Histórico de problemas

Ao longo da semana, o serviço registrou diversos problemas que causaram transtornos aos passageiros. Na noite de ontem, um motorista deixou um veículo do BRT na estação Santa Efigênia, na Taquara, zona oeste, após o articulado ser vandalizado pelos passageiros, segundo a Mobi-Rio.

Segundo a prefeitura, eles ameaçaram o motorista para que ele seguisse viagem com as portas abertas. Em seguida, o condutor pegou a chave e foi buscar apoio com agentes do BRT Seguro.

Já na terça-feira (8), agentes do BRT Seguro, da Seop (Secretaria de Ordem Pública do Rio de Janeiro), prenderam uma mulher por volta das 20h, após a tentativa de incendiar um articulado. Segundo a Seop, a equipe foi acionada por passageiros no Terminal Alvorada, na zona oeste da cidade. Ainda segundo a Pasta, a mulher foi conduzida para a 16ª DP (Barra da Tijuca). 

Em outra ocorrência, também na terça-feira, uma equipe foi acionada pelo Centro de Controle do Mobi-Rio, que administra o sistema de transporte. Os agentes foram verificar dois homens que haviam furtado um perfil de alumínio e uma grade da estação Rio 2.

No local, a dupla foi presa. Um dos suspeitos foi direcionado ao Hospital Municipal Lourenço Jorge, após cair de um dos ônibus, enquanto o outro foi conduzido para a 31ª DP (Ricardo de Albuquerque).

Uma terceira ação do BRT Seguro também foi registrada na terça-feira. Desta vez, os agentes foram até estação Recreio Shopping para checar um tumulto. Ao chegar ao local, constataram que se tratava de uma situação de importunação sexual. O acusado foi conduzido à 16ª DP (Barra da Tijuca).

Últimas