Rio de Janeiro Rio: perícia é realizada no Vidigal para apurar mortes em ação da PM

Rio: perícia é realizada no Vidigal para apurar mortes em ação da PM

Familiares de quatro mortos durante confronto afirmam que vítimas não tinham envolvimento com crime, mas PM diz que todos eram suspeitos 

Quatro pessoas morreram durante ação da PM no Vidigal

Quatro pessoas morreram durante ação da PM no Vidigal

Reprodução Record TV

A Polícia Civil realiza nesta quarta-feira (22) uma perícia na comunidade do Vidigal, na zona sul do Rio de Janeiro, para apurar as circunstâncias da morte de quatro pessoas durante uma operação militar na última quinta-feira (16).

Leia mais: Delegada responsável pelo caso Anderson do Carmo é transferida

Três policiais militares que participaram da ação foram ouvidos na DH da Capital.

Segundo a PM, os mortos eram suspeitos de se reunirem na localidade conhecida como Rampa do 14 para planejar um ataque à UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) do Vidigal, em represália à prisão de um traficante. No entanto, familiares das vítimas afirmam que eles não tinham envolvimento com o tráfico.

Os agentes relataram que, ao chegarem à comunidade para impedir o ataque, foram recebidos a tiros e granadas. Houve confronto e quatro suspeitos foram baleados e socorridos ao Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea.

Assista ao vídeo:

Últimas