Rio recebe mais 300 respiradores para tratamento de covid-19

Segundo a Secretaria de Saúde, 152 equipamentos chegaram na terça e a outra parte chega hoje. Hospitais de referência terão todas as UTIs equipadas

Aparelhos serão distribuídos em quatro unidades

Aparelhos serão distribuídos em quatro unidades

Divulgação

A rede municipal do Rio recebeu mais 152 respiradores e mais de um milhão de EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) em um voo que chegou da China na noite de terça-feira (13). Segundo o prefeito Marcelo Crivella, nesta tarde uma nova aeronave deve chegar com mais 154 respiradores.

Polícia e MP prendem suspeito em fraude na compra de respiradores

De acordo com a SMS, os aparelhos e os EPIs – que incluem máscaras, luvas, capotes e óculos – serão distribuídos em quatro unidades de saúde.

Unidade de referência para tratamento da covid-19 no Rio, o Hospital Ronaldo Gazolla, em Acari, zona norte do Rio, vai receber 201 respiradores, que vão equipar as UTIs restantes na unidade. Já o Hospital de Campanha do Riocentro, vai receber 80 aparelhos e também terá todos os leitos de UTI equipados.

Crivella afirmou, em coletiva na manhã desta quarta (13), que com a abertura dos leitos, o processo de ocupação será a partir da triagem feita direto nas unidades com os pacientes que já estão cadastrados no sistema de regulação.

Também vão receber respiradores a CER (Coordenação de Emergência Regional) do Leblon (20), e o Hospital Pedro II (5), em Santa Cruz, zona oeste do Rio.

Os últimos equipamentos comprados da China chegam à cidade entre os dias 28 e 30 de maio.