Rio de Janeiro Rio tem 30 dias para assumir gestão da linha Amarela

Rio tem 30 dias para assumir gestão da linha Amarela

Justiça afirma que a Prefeitura do Rio não pagou indenizações a Lamsa, o que gerou um prejuízo diário de R$ 1 milhão

O TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro) concedeu uma liminar que autoriza a volta da cobrança do pedágio na linha Amarela, caso a Prefeitura do Rio não assuma totalmente a via no prazo de 30 dias. A decisão foi assinada pelo desembargador André Ribeiro.

Prefeitura tem prazo de 30 dias para assumir a via

Prefeitura tem prazo de 30 dias para assumir a via

Reprodução/Record TV Rio

O documento afirma que o órgão municipal obteve a autorização para extinguir a cobrança por meio de encampação (anulação de contrato com a empresa privada), mas “limitou-se a levantar as cancelas de pedágio”.

Polícia cumpre mandados contra Nego do Borel em SP e no RJ

Além disso, a prefeitura não teria pago as indenizações a Lamsa, concessionária que administrava o serviço, o que acumulou um prejuízo diário de R$ 1 milhão.

O Portal R7 procurou a Prefeitura do Rio, mas ainda não obteve resposta. Assim que houver um posicionamento, será adicionado a essa reportagem.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas