Rio tem manhã de confrontos e duas pessoas são presas na zona norte

Houve ações no morro do Dezoito, em Água Santa, e na favela do Muquiço, ambos na zona norte; já no Complexo do Salgueiro o clima é de tensão 

Arma israelense foi apreendida

Arma israelense foi apreendida

Divulgação

O primeiro dia de novembro está sendo de tiroteios e operações em diversas comunidades do Rio de Janeiro. A Polícia Militar realizou prisões na favela do Muquiço, no morro do Dezoito, ambos na zona norte, e houve tiroteio em outros locais.

Leia mais: Gilmar Mendes manda soltar casal Garotinho no Rio

Na rua do Encanamento, no Muquiço, duas pessoas pessoas foram presas suspeitas de integrar o tráfico de drogas na região. Segundo a PM, eles estavam com uma submetralhadora Pistol Uzi e grande quantidade de material entorpecente. A ocorrência foi encaminhada para a 29ª (Madureira).

Já na comunidade do Dezoito, em Água Santa, houve tiroteio entre traficantes rivais na noite de quinta-feira (31). A Polícia Militar foi acionada e encontrou um veículo com homens armados. Segundo os policiais, eles atiraram e houve confronto. Uma pessoa ficou ferida e foi socorrido ao Hospital Salgado Filho. Um fuzil AK-47 foi apreendido. Outras duas pessoas conseguiram fugir.

Já no Complexo do Salgueiro, uma região controlada pelo tráfico de entorpecentes, o clima é tenso, segundo moradores relataram ao WhatsApp da Record TV Rio. Policiais fazem operação em resposta aos tiros dados contra os PMs que estavam na BR-101, estrada próxima da comunidade. Ainda não há informações de presos ou apreensões.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Ingrid Alfaya