RJ: parte do comércio de Nova Iguaçu reabre nesta quinta-feira (04)

Segundo a prefeitura, a reabertura da economia vai depender da evolução dos casos de coronavírus no município e da ocupação de leitos de UTI

Estabelecimentos devem respeitar regras para o funcionamento

Estabelecimentos devem respeitar regras para o funcionamento

Agência Brasil

O comércio do calçadão do centro de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense do Rio, foi reaberto nesta quinta-feira (04) após uma determinação de caráter experimental feita pela prefeitura do município.

A reabertura da economia vai depender da evolução dos casos de coronavírus no município e da ocupação de leitos de UTI.

Leia também: Covid-19: Rio cria gratificação para médicos que atuarem em UTI

Segundo a administração da cidade, na próxima segunda-feira (08) começa a abertura gradual do comércio em outros bairros de Nova Iguaçu. Serão três fases com duração de duas semanas para cada etapa.

Para o funcionamento, os estabelecimentos devem submeter os funcionários a testes da covid-19, adotar regime de escala, fornecer equipamentos EPI, além de organizar filas nas entradas respeitando o distanciamento social.

A circulação máxima de pessoas simultaneamente no calçadão será de 5.328 pedestres com bloqueios de triagem para conter a movimentação.

De acordo com a Secretária de Estado de Saúde, Nova Iguaçu registrou, até ontem (03), 1.875 casos confirmados e 202 mortes por covid-19.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Celso Fonseca