Rio de Janeiro Seis suspeitos morrem e jovem fica ferido em operação na Maré

Seis suspeitos morrem e jovem fica ferido em operação na Maré

Nas redes sociais, moradores relataram que, devido ao intenso tiroteio na região, alunos de uma escola precisaram se abrigar no corredor da unidade 

operação maré

Crianças se abrigaram dos disparos

Crianças se abrigaram dos disparos

Reprodução

Seis suspeitos morreram e um adolescente ficou gravemente ferido durante uma operação da Polícia Civil nas comunidades Vila do João e Vila do Pinheiro, no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro, na manhã desta quarta-feira (20). 

Com os homens foram apreendidos quatro fuzis, oito carregadores, grande quantidade de munições, duas pistolas, quatro granadas, farta quantidade de drogas e ferramentas para arrombamento de caixas eletrônicos.

A polícia informou que os agentes foram surpreendidos pelos suspeitos armados e houve confronto. Os seis homens ficaram feridos e cinco deles foram socorridos ao Hospital Federal de Bonsucesso. De acordo com a unidade de saúde, os suspeitos, com idades aproximadamente entre 20 e 30 anos, já chegaram ao local sem vida.

O adolescente foi encaminhado ao Hospital Getúlio Vargas, na Penha. De acordo com a direção da unidade de saúde, o jovem apresenta estado de saúde grave. 

A ação, que contou com o apoio do Exército e da Polícia Judiciária da Força Nacional, teve o objetivo de cumprir 23 mandados de prisão originados de investigações da DCOD (Delegacia de Combate as Drogas) e da 39ª DP (Pavuna).

Dois veículos blindados das Forças Armadas deram suporte aos policiais e militares durante a operação, segundo o CML (Comando Militar do Leste).

A ONG Redes da Maré informou em sua página que a operação começou por volta das 9h30 e, em um vídeo postado por eles, é possível ver um helicóptero sobrevoando a comunidade.

Além disso, uma foto que circula nas redes sociais mostra crianças se abrigando dos disparos no corredor de uma escola no Complexo da Maré.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

    Access log