Rio de Janeiro Suposto dono de estúdio para abusos contra crianças é preso

Suposto dono de estúdio para abusos contra crianças é preso

Investigações apontaram que aos menos 16 crianças foram vítimas. Ele vai responder por pedofilia e estupro de vulnerável

A Polícia Civil prendeu em flagrante um homem de 35 anos apontado como responsável por criar dentro de casa um ambiente, conhecido como estúdio do terror, para abusar sexualmente de crianças e gravar a prática criminosa em vídeo. As investigações indicam que ao menos 16 menores, com idades entre 8 e 12 anos, foram vítimas em um período de seis anos. 

Homem foi preso pela DCAV

Homem foi preso pela DCAV

Reprodução / Polícia Civil

O abusador foi localizado pela DCAV (Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima) em um dos acessos ao morro Santa Marta, zona sul do Rio, nesta terça-feira (25), após agentes receberem informações compartilhadas pela Polícia Federal. 

Segundo o delegado Adriano França, o homem confessou os crimes. Além disso, no aparelho telefônico foram encontradas as imagens armazenadas e compartilhadas. Ele vai responder por pedofilia e estupro de vulnerável. 

Contra o investigado havia também um mandado de prisão pendente por tentativa de feminicídio contra uma jovem de 16 anos, com quem manteve um relacionamento, em 2006, em São Paulo.

Ainda de acordo com a Polícia Civil, as vítimas vão receber apoio psicológico e atendimento médico. 

Últimas