Rio de Janeiro "Tentou salvar uma família", diz pai de morto durante chuva no Rio

"Tentou salvar uma família", diz pai de morto durante chuva no Rio

Welington Ferreira Batista se afogou em bueiro após conseguir resgatar duas crianças em Acarí, na zona norte da capital

  • Rio de Janeiro | Ludmila Gomes, do R7*

Wellington deixou quatro filhos

Wellington deixou quatro filhos

Record TV

Entre as três vítimas fatais em decorrência do temporal que atingiu o Estado do Rio está Welington Ferreira Batista, de 40 anos. O homem morreu afogado após tentar salvar uma família na praça Roberto Carlos, próximo ao rio Acari, na zona norte da capital, no domingo (1º). 

Saiba mais: Temporal causa alagamentos e deixa mortos no Rio de Janeiro

Testemunhas disseram que Welington conseguiu resgatar duas crianças, antes de cair em um bueiro e se afogar. Em entrevista à RecordTV, o pai da vítima disse que ainda estava sem acreditar no ocorrido:

"Quando ele tirou a criança, voltou para pegar uma caixa. Ele escorregou e caiu em um bueiro. Um colega tentou segurar ele, mas não deu tempo.''

Welington chegou a ser levado ao Hospital Municipal Ronaldo Gazola, mas morreu a caminho da unidade. Ele deixou quatro filhos.

Flávio Gonçalves, de 50 anos, e Mizael Xavier, de 62, foram vítimas fatias de deslizamentos, no Tanque, zona oeste da capital, e em Mesquita, na Baixada Fluminense, respectivamente. 

Polícia Civil investiga outras duas mortes

A Polícia Civil investiga duas mortes que podem ter relação com as chuvas no final de semana. A idosa Vânia Nunes, de 75 anos, foi vítima de uma descarga elétrica, na Taquara, zona oeste da capital.

Os agentes apuram ainda a causa da morte de uma pessoa encontrada ao lado de um canal no Anil, também na zona oeste.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas