São Paulo Após assalto a banco, prefeitura suspende aulas em Araçatuba (SP)

Após assalto a banco, prefeitura suspende aulas em Araçatuba (SP)

Mais de 50 homens armados invadem agências bancárias no interior de São Paulo e fazem escudo humano com reféns

  • São Paulo | Do R7

Após mais de 50 homens armados assaltarem pelo menos cinco agências bancárias em Araçatuba, no interior de São Paulo, na manhã desta segunda-feira (30), o prefeito da cidade Dilador Borges, afirmou que a administração municipal suspedeu as aulas na redes municipal e estadual. Segundo ele, o centro está isolado para investigação da polícia. A polícia confirmou três mortes até o momento, segundo informações da Record TV.

"Estou a três quarteirões do centro e depois da 00h não dormi porque o tiroteio se prolongou muito. A polícia militar preservou essas pessoas que foram feitas reféns e agiu com rigor, preservando a vida das pessoas", afirmou o prefeito. 

Mais de 50 homens armados assaltam banco e fazem escudo humano com reféns

Mais de 50 homens armados assaltam banco e fazem escudo humano com reféns

Reprodução

Com explosivos, os homens destruíram as agências para praticar os roubos. A ação começou por volta da meia-noite. Pelas redes sociais, moradores da região relataram as horas de terror. Quem passava pelo local no momento do assalto foi feito refém. As vítimas foram usadas como escudo humano e amarradas nos carros.

De acordo com o capitão Guedes da Polícia Militar, uma das vítimas tentou filmar a ação dos grupo e foi morta. A outra morreu em confronto com a polícia na área rural e a terceira ainda não se sabe se é era moradora ou integrante do grupo.

Pelas redes sociais, moradores da região relataram as horas de terror. Quem passava pelo local no momento do assalto foi feito refém. As vítimas foram usadas como escudos humanos e amarradas nos carros.

Últimas