São Paulo Após prisão do prefeito do Guarujá, a vice assume a administração

Após prisão do prefeito do Guarujá, a vice assume a administração

Válter Suman e o secretário de Educação, Marcelo Nicolau, vão permanecer presos por suspeita de desvio de verbas da Saúde 

  • São Paulo | Do R7, com informações da Record TV

O prefeito do Guarujá, Válter Suman (PSDB), e o secretário municipal de Educação, Marcelo Nicolau, vão permanecer presos preventivamente por suspeita de desvio de verbas da Saúde. A vice-prefeita, Adriana Machado (PSD), assumiu a administração municipal. As informações são da Record TV.

Os dois foram presos em flagrante durante uma operação da Polícia Federal e foram levados à sede da PF para prestar esclarecimentos. Mandados de busca e apreensão foram cumpridos no paço municipal e nas secretarias do Guarujá, no litoral paulista.

Prefeito do Guarujá, Válter Suman, vai permanecer preso preventivamente

Prefeito do Guarujá, Válter Suman, vai permanecer preso preventivamente

Reprodução Record TV

Em audiência de custódia nesta quinta-feira (16), o juiz decidiu pela manutenção das prisões preventivas. Depois, os dois foram encaminhados para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de São Vicente, também no litoral.

A defesa do prefeito ainda pode pedir um habeas corpus ou a revogação da prisão preventiva.

Últimas