São Paulo Caso Aline: principal suspeito é preso após análise de DNA

Caso Aline: principal suspeito é preso após análise de DNA

Homem foi encontrado após a análise da pele embaixo das unhas da vítima. Ele teria matado e abusado sexualmente da jovem 

Autoridades investigavam outros quatro suspeitos na cidade

Autoridades investigavam outros quatro suspeitos na cidade

Reprodução/ Facebook

A polícia prendeu nesta quarta-feira (2) um homem apontado como o principal suspeito de ter matado e abusado sexualmente de Aline Silva Dantas, de 19 anos. A jovem desapareceu no dia 8 de setembro, quando saiu para comprar fraldas na cidade de Alumínio, interior de São Paulo. As informações são da Record TV.

O suspeito foi encontrado após a análise da pele embaixo das unhas do corpo de Aline, que combinou com as digitais do homem. O suposto autor do crime tem 45 anos, trabalha como porteiro, é casado e tem dois filhos. A polícia investigava outros três homens, que não tiveram suas digitais correspondidas ao material encontrado.

O corpo de Aline foi localizado pela polícia no dia 11, num matagal da cidade, com sinais de abuso sexual e com algumas partes queimadas. Um dia depois do crime, ele teria voltado ao local onde estava o corpo e colocado fogo.

Leia mais: Polícia investiga perfil que se diz autor de morte de Aline e Vitória

O suspeito já era fichado por uma tentativa de estupro, no ano de 2012. Ele nega que tenha praticado o crime. Segundo as investigações, não houve qualquer motivo para o crime: o suposto autor do crime teria abordado aleatoriamente Aline.