Chacina deixa 4 mortos em oficina na zona leste de São Paulo

As vítimas são os donos da oficina onde ocorreu o crime e dois funcionários; neste ano, 13 pessoas foram mortas em chacinas na Grande SP

O crime ocorreu no interior de uma oficina de funilaria na avenida Águia de Haia

O crime ocorreu no interior de uma oficina de funilaria na avenida Águia de Haia

Reprodução

Uma chacina terminou com quatro mortos por volta das 21h desta segunda-feira (15) na Vila Jacuí, zona leste de São Paulo. O crime aconteceu no interior de uma oficina de funilaria localizada na avenida Águia de Haia. 

Segundo a Polícia Militar, um cliente que havia ido retirar o seu veículo no local se deparou com a oficina vazia e aberta. Desconfiado, o rapaz ligou para um amigo policial civil, que foi verificar a ocorrência. No caminho, o policial encontrou uma viatura da PM, que o acompanhou ao local. 

Os corpos dos donos da oficina, identificados como Jairo Cordeiro, de 37 anos, e Antônio Carlos Martins, e de dois funcionários, Joaquim Martins e Railson, foram encontrados baleados e mortos no fundo do estabelecimento. 

Equipes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros foram acionadas, mas as vítimas já estavam mortas. 

O crime teria sido praticado por ocupantes de um automóvel, que não teve as placas anotadas. 

Ainda de acordo com informações da PM, a esposa de Cordeiro, um dos sócios, ligou para o marido, por volta das 19h. Na chamada em vídeo, o homem disse que iria atender mais dois clientes antes de ir para casa. Minutos depois, mulher voltou a ligar, mas o marido não atendeu. 

No local, foram encontrados os celulares de Antônio Carlos, sócio de Cordeiro, e dos dois funcionários. O aparelho de Cordeiro, que possui acesso ao remoto às câmeras de monitoramento da oficina, não foi achado. Peritos recolheram também a CPU que armazena as imagens do circuito interno de segurança.

Jairo e Antônio Carlos trabalhavam juntos havia dois, e Joaquim era irmão de Antonio Carlos. Os quatro eram casados e tinham filhos.

O caso foi registrado no 63º Distrito Policial da Via Jacuí e será investigado pela 3ª Delegacia de Polícia de Repressão a Homicídios Múltiplos, do DHPP (Departamento de Homicídios Proteção à Pessoa), da Polícia Civil.

Balanço

Nesta ano, a Grande São Paulo registrou quatro chacinas com um total de 13 vítimas. Além do caso no Jacuí, outras três ocorreram no Capão Redondo, na Chácara Santo Antônio, na zona sul da capital paulista, e na Vila Guiomar, em Santo André, na região do ABC.