São Paulo Cidade de São Paulo soma 17 casos identificados da variante Ômicron

Cidade de São Paulo soma 17 casos identificados da variante Ômicron

Mais quatro ocorrências foram confirmadas nesta segunda (20). Prefeitura intensificou a realização de testes rápidos de Covid-19

  • São Paulo | Do R7

Cidade de São Paulo soma 17 casos identificados da variante Ômicron

Cidade de São Paulo soma 17 casos identificados da variante Ômicron

Pixabay

A Prefeitura de São Paulo confirmou nesta segunda-feira (20) a identificação de quatro novos casos da variante Ômicron na capital. Nenhum deles está relacionado ao paciente de 67 anos diagnosticado com a variante no último dia 10. Já são 17 casos identificados na cidade.

A vigilância genômica é feita em parceria entre a prefeitura e o Instituto Butantan, que analisa cerca de 300 amostras de RT-PCR positivas para a Covid-19 semanalmente.

Os pacientes apresentam sintomas leves e negam ter feito viagens ao exterior, segundo a prefeitura. Todos os envolvidos são acompanhados por profissionais da Secretaria Municipal de Saúde e já concluíram o período de quarentena, uma vez que a amostra é de 12 dias atrás.

De acordo com a prefeitura, ainda não é possível afirmar se são casos de transmissão comunitária.

Desde quinta-feira (16), a Secretaria disse ter intensificado o monitoramento e a realização de testes rápidos para a Covid-19 em UPAs (Unidades de Pronto Atendimento), AMAs (Assistências Médicas Ambulatoriais), Pronto Atendimento e pronto-socorro, no setor de triagem.

Os testes, realizados pelo método antígeno, são feitos em pacientes com sintomas gripais. Segundo a prefeitura, "a medida contribui para identificar os casos com maior rapidez e manter o monitoramento do paciente na cidade de São Paulo".

As recomendações ainda são as mesmas: usar máscara e álcool em gel, cobrir a boca e o nariz quando tossir ou espirrar e lavar as mãos imediatamente após contato com secreções respiratórias.

Últimas