São Paulo Corregedoria diz acompanhar caso que PM denuncia tortura

Corregedoria diz acompanhar caso que PM denuncia tortura

Soldado relata problema com comandante em batalhão de São Vicente (SP)

Corregedoria diz acompanhar caso que PM denuncia tortura

PM de São Vicente diz sofrer tortura

PM de São Vicente diz sofrer tortura

Reprodução

A SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo) disse, na última segunda-feira (4), que a corregedoria está acompanhando o caso que um policial militar identificado como soldado Costa, do 39º BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior) de São Vicente, denuncia em um vídeo (abaixo) que está sofrendo “torturas físicas e psicológicas” de seu comandante, dentro do batalhão.

Em nota, a SSP-SP ainda afirmou que a PM está “prestando o apoio necessário ao policial que aparece no citado vídeo”. Segundo a pasta, o militar foi ouvido pelo Comando da PM local e “as medidas necessárias para a solução do citado caso estão sendo adotadas”.

Leia mais notícias de São Paulo

Apesar disso, no vídeo denunciando a situação, o soldado relatou que a gravação é o último recurso pois, segundo ele, já registrou denúncia no CPI-6 (Comando do Policiamento do Interior), na corregedoria e na ouvidoria, mas não obteve nenhum retorno.

“Se algo acontecer com a minha vida, com a minha integridade física, a responsabilidade é do comandante aqui do batalhão, o 39 [BPM/I], da Polícia Militar e do Estado, que nada fez para apurar as minhas denúncias, relata o PM no vídeo.

*Kaique Dalapola, estagiário do R7