São Paulo Dois suspeitos são presos após assalto em farmácia da zona leste

Dois suspeitos são presos após assalto em farmácia da zona leste

Homens renderam funcionários, pegaram produtos das prateleiras e conseguiram retirar o dinheiro do caixa

  • São Paulo | Isabelle Gandolphi, da Agência Record

Reprodução Record TV

Dois suspeitos foram presos após roubarem uma farmácia no bairro da Mooca, zona leste de São Paulo no início da madrugada desta sexta-feira (9). Um terceiro conseguiu fugir. O crime ocorreu na rua da Mooca, cruzamento com a Rua Teresina, em uma unidade 24 horas da Drogasil.

De acordo com a Polícia Militar, os agentes foram acionados depois que três assaltantes roubaram uma farmácia. Eles renderam os funcionários, pegaram produtos das prateleiras e conseguiram retirar o dinheiro do caixa.

Em seguida, os criminosos fugiram e as vítimas acionaram a polícia. Os funcionários passaram as características dos autores, com informações do carro, e os agentes fizeram a solicitação de apoio via rede rádio.

Viaturas em patrulhamento pela região conseguiram encontrar o carro dos criminosos e deram a ordem de parada. O trio não respeito e foi iniciada uma perseguição.

Os suspeitos passaram por vias como a Avenida Salim Farah Maluf, acessaram a Marginal Tietê e conseguiram ser interceptados na Avenida Aricanduva.

Após 12 quilômetros de acompanhamento, as equipes conseguiram abordar o veículo. Eles ainda tentaram jogar o carro na calçada e fugir a pé. Dois foram detidos e um terceiro conseguiu escapar. O carro foi apreendido, onde os agentes localizaram aproximadamente R$40 mil em produtos roubados da farmácia e mil reais em espécie.

Essa já é a quinta vez que a mesma farmácia é alvo dos criminosos em oito meses. O Balanço Geral Manhã, inclusive, noticiou a última tentativa, que foi frustrada pela PM. O crime ocorreu no início do mês passado.

O trio, que foi preso, afirmou que os produtos seriam vendidos, por um preço menor, na região de Guaianases, também na zona leste. A polícia acredita que haja uma quadrilha especializada nesse tipo de crime. O caso foi registrado no 10° DP da Penha. Um dos assaltantes já tinha passagem por tráfico de drogas e receptação.

Últimas