São Paulo Escola estadual na zona sul de São Paulo tem eletrônicos roubados

Escola estadual na zona sul de São Paulo tem eletrônicos roubados

Funcionária foi rendida na ação. Foram levados 15 notebooks, 12 televisões e duas impressoras, que ainda seriam instaladas

  • São Paulo | Isabelle Gandolphi e Beatriz Leite, da Agência Record

Suspeitos teriam esperado o fim das aulas para invadir a escola

Suspeitos teriam esperado o fim das aulas para invadir a escola

Google Street View - 01.09.2021

A Escola Estadual Presidente Kennedy, situada no Campo Limpo, zona sul de São Paulo, foi alvo de criminosos na noite desta segunda-feira (30).

Os suspeitos teriam aguardado as aulas encerrarem e os professores deixarem o local para invadirem a escola. A funcionária e caseira da escola foi rendida, mas, de acordo com a Apeoesp (Ensino Oficial do Estado de São Paulo), não foi agredida.

Foram levados 15 notebooks, 12 televisões e duas impressoras, que seriam instalados ainda essa semana.

Em nota, a Apeoesp disse que esses equipamentos eram de importância vital para aperfeiçoar e melhorar as condições de ensino dos estudantes e o trabalho dos professores. "Toda equipe escolar está assustada e triste com o ocorrido. O sindicato dos professores pede providências imediatas para que as escolas da rede estadual de ensino tenham mais segurança e que fatos como esse não se repitam. Quem perde é a comunidade escolar", informou.

O caso foi registrado no 37° DP (Distrito Policial) do Campo Limpo.

Últimas