São Paulo Jovem morre em SP após ser ferida em confusão entre torcedores do Palmeiras e Flamengo

Jovem morre em SP após ser ferida em confusão entre torcedores do Palmeiras e Flamengo

Gabriela Anelli, de 23 anos, foi atingida no pescoço por garrafa de vidro em frente ao Allianz Parque; uma pessoa foi presa

  • São Paulo | Do R7, com informações da Record TV

Resumindo a Notícia
  • Uma jovem morreu em SP após ser ferida em confusão entre torcidas do Palmeiras e Flamengo.

  • Gabriela Anelli, de 23 anos, foi atingida no pescoço por garrafa de vidro.

  • Violência aconteceu na frente do Allianz Parque, estádio do Palmeiras, na zona oeste de SP.

  • Insira aqui um item de resumo.

Gabriela Anelli, de 23 anos, morreu após ter sido atingida no pescoço por garrafa de vidro atirada por torcedores

Gabriela Anelli, de 23 anos, morreu após ter sido atingida no pescoço por garrafa de vidro atirada por torcedores

Reprodução/redes sociais

Uma jovem de 23 anos morreu na manhã desta segunda-feira (10) após ter sido ferida numa confusão entre torcedores do Palmeiras e do Flamengo, no sábado (8), antes da partida entre as duas equipes em São Paulo.

Gabriela Anelli foi atingida no pescoço por uma garrafa de vidro. Ela estava internada na Santa Casa, na região da Santa Cecília. Familiares e o atleta Dudu, do Palmeiras, chegaram a promover campanhas que pediam doação de sangue para a jovem.

Felipe Marchiano, irmão da vítima, lamentou a morte de Gabriela nas redes sociais. "Tem coisas que acontecem que estão além do nosso limite de entendimento. Sei o quanto você lutou cada segundo e você de fato sempre foi uma guerreira."

Compartilhe esta notícia no WhatsApp
Compartilhe esta notícia no Telegram

A confusão entre as torcidas aconteceu antes do início do jogo, nas imediações do Allianz Parque, estádio do Palmeiras, na zona oeste da capital paulista. Após intervenção da Polícia Militar, torcedores atiraram garrafas de vidro contra os policiais.

Gabriela Anelli, palmeirense que esperava para entrar no estádio para assistir ao jogo, foi atingida e socorrida em estado grave, mas não resistiu aos ferimentos.

Imagens da violência circulam nas redes sociais desde sábado (8). De acordo com a repórter Beatriz Casadei, da Record TV, um homem foi preso em flagrante depois da confusão.

Após a notícia da morte de Gabriela, o Palmeiras emitiu uma nota em suas redes sociais em que lamenta profundamente o incidente. "Não podemos aceitar que uma jovem de 23 anos seja vítima da barbárie em um ambiente que deveria ser de entretenimento", diz a equipe.

Últimas