Mulheres são presas após forjarem abuso julgado pelo tribunal do crime

Pai de menino de 4 anos foi julgado e morto em fevereiro após a ex-companheira ter mentido que o homem abusou sexualmente do filho

Mentira resultou na morte de um homem em fevereiro deste ano

Mentira resultou na morte de um homem em fevereiro deste ano

Reprodução/Record TV

Três mulheres foram presas suspeitas de terem forjado um crime e dito que o ex-companheiro de uma delas abusou sexualmente do filho deles, de 4 anos. O homem foi julgado e morto pelo tribunal do crime em fevereiro deste ano. 

Leia também: Suposto líder em crime de Botucatu teria participado de outros ataques

A mentira foi criada pela ex-companheira e pela ex-sogra da vítima, e teve a participação de uma amiga delas. As mulheres foram presas durante uma operação da Polícia Civil contra crimes relacionados ao tribunal do crime.

Embora a vítima tenha sido acusada e morta, a Polícia Civil concluiu que o homem era inocente e não abusou sexualmente do filho.