São Paulo PF faz operação contra tráfico de drogas em aeroportos de SP

PF faz operação contra tráfico de drogas em aeroportos de SP

São cumpridos 18 mandados de prisão preventiva e 2 mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal em Campinas

  • São Paulo | Edilson Muniz

Polícia Federal faz operação para combater tráfico de drogas em Viracopos (SP)

Polícia Federal faz operação para combater tráfico de drogas em Viracopos (SP)

Divulgação Polícia Federal

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira (6) uma operação para prender investigados envolvidos em crimes de tráfico internacional de drogas praticados a partir do Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, no interior de São Paulo. São cumpridos 18 mandados de prisão preventiva e dois mandados de busca e apreensão, expedidos pela Justiça Federal em Campinas.

A investigação teve início a partir da análise de documentos e informações de inteligência policial obtidos durante a Operação Overload, deflagrada em outubro do ano passado e tem por objetivo desarticular a organização criminosa com a prisão dos envolvidos.

A atual fase de investigação, após conclusão de mais de 60 exames periciais, 45 relatórios de análises de informações contidas em dispositivos e documentos apreendidos, compreendendo quase 10 mil páginas de instrução, permitiu à Polícia Federal chegar à prática de crimes de tráfico internacional de drogas, incluindo também o Aeroporto Internacional de Guarulhos.

A polícia suspeita ainda de mais de meia tonelada de drogas remetidas à Europa, além de crimes de falsificação de documentos (etiquetas de passageiros, de cargas, aquisição fraudulenta de diplomas de ensino superior), extorsão, extorsão mediante sequestro, corrupção ativa e passiva.

Além de 40 policiais federais, participam da operação 5 equipes do BAEP e Corregedoria da Polícia Militar do Estado de São Paulo e uma equipe da Corregedoria da Polícia Civil do Estado de São Paulo, em razão de entre os presos haver um policial militar e um policial civil.

Esse é o terceiro desdobramento da Operação Overload. O primeiro desdobramento se deu em 3.12.2020 (Operação AKE); o segundo se deu em 10.2.2021 (Operação Lavaggio).

Últimas