PF realiza operação contra roubos a agências da Caixa Econômica

Investigações começaram a partir dos roubos em Piraporinha, Diadema e Guaianases, na zona leste de São Paulo, que geraram prejuízo de R$ 1,2 mi

Roubos a agências da Caixa resultaram em prejuízo de R$ 1,2 milhão à União

Roubos a agências da Caixa resultaram em prejuízo de R$ 1,2 milhão à União

THIAGO LEMOS/FOTOARENA/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

A PF (Polícia Federal) iniciou nesta sexta-feira (29) uma operação contra grupos especializados em roubar agências da Caixa Econômica Federal. 

As investigações começaram há cerca de quatro meses, a partir dos roubos às agências de Piraporinha, Diadema e Guaianases, todas zona leste de São Paulo, que resultaram em prejuízos de R$ 1,2 milhão à União.

Leia também: Covas quer ajuda de comerciantes para fiscalizar retomada em SP

Foram expedidos dois mandados de prisão temporária e quatro de busca e apreensão pela Vara Federal de São Bernardo do Campo e pela 7ª Vara Federal Criminal de São Paulo. 

A operação, denominada Ataque Furtivo, é fruto da Delepat (Delegacia de Repressão a Crimes Patrimoniais e Tráfico de Armas), da PF.

Leia também: Casal que aplicava golpes do Auxilio Emergencial é preso em São Paulo

Com o cumprimento dos mandados, a PF espera conhecer o modo de atuação dos investigados e até mesmo ampliar o foco das apurações. As autoridades acreditam que os crimes contam com o aval de uma facção criminosa que opera nos presídios paulistas.