São Paulo Polícia prende quadrilha do Pix que roubou R$ 100 mil de professora

Polícia prende quadrilha do Pix que roubou R$ 100 mil de professora

Quatro criminosos foram detidos. Eles usavam casa no extremo leste de SP como cativeiro e teriam feito ao menos quatro vítimas

  • São Paulo | Do R7, com informações do Cidade Alerta, da Record TV

Assalto a professora e integrante de quadrilha presa nesta terça

Assalto a professora e integrante de quadrilha presa nesta terça

Reprodução/Record TV

Quatro integrantes de uma quadrilha do Pix foram presos nesta terça-feira (7) sob a acusação de terem participado do sequestro de uma professora e do roubo de dinheiro de sua conta bancária, ocorridos em maio. A vítima teve de fazer transferências da ordem de R$ 100 mil pelo serviço bancário eletrônico Pix.

Câmeras gravaram o bando sequestrando a professora quando ela saía de casa, em Suzano, na Grande São Paulo. A vítima, de 52 anos, passeava com a cachorrinha quando foi abordada e levada para um cativeiro no Itaim Paulista, extremo leste de São Paulo. Os criminosos mandaram para a família da professora uma foto de dentro do cativeiro e exigiram resgate.

Nesta terça, quatro supostos integrantes da quadrilha foram presos por policiais do 50º DP. Segundo o delegado Akhenaton Nobre, tanto a professora quanto outras vítimas foram sequestradas por criminosos em um mesmo veículo Prisma preto, o que permitiu que fosse desenvolvida uma linha de investigação. Pelo menos quatro pessoas denunciaram sequestros semelhantes.

Outra pista diz respeito à conta usada para as transferências, que seria de uma das criminosas.

Além disso, uma das vítimas conseguiu fazer um relato de aspectos da residência onde ficou em cativeiro. Os policiais conseguiram encontrar então a casa, que era cuidada por duas mulheres.

Elas foram presas no local e reconhecidas pelas vítimas em razão da voz e de tatuagens. Dois homens acusados de atuar na abordagem das vítimas também foram presos.
O caso é investigado.

Últimas