São Paulo SP: 95% dos adultos estão com o esquema vacinal completo

SP: 95% dos adultos estão com o esquema vacinal completo

Apesar da evolução, governo convoca 2,9 milhões de pessoas que ainda não tomaram a segunda dose da vacina contra a Covid-19 

  • São Paulo | Do R7

85% da população recebeu uma dose e 77,88% estão 
com o esquema vacinal concluído

85% da população recebeu uma dose e 77,88% estão com o esquema vacinal concluído

Reprodução/Flickr

O estado de São Paulo ultrapassou na quinta-feira (9) a marca de 95% dos adultos com esquema vacinal completo contra a Covid-19. Quando considerada toda a população, são 85% que receberam uma dose e 77,88% que estão com o esquema vacinal concluído.

De acordo com o governo, São Paulo é o estado que mais vacina no Brasil, em números absolutos e percentualmente, e segue avançando no calendário com celeridade à medida que as remessas são entregues pelo Ministério da Saúde.

Até as 17h30 da quinta-feira (9), o Vacinômetro registrava 81.176.743 doses aplicadas em toda a campanha. Entre o total absoluto de vacinas até o momento, 38.167.206 são de primeira dose, 34.868.364 de segunda, 1.179.770 de dose única e 6.961.403 de dose adicional.

“O estado avança na vacinação da dose adicional, medida bastante importante antes das festas de fim de ano. Reduzimos o intervalo da vacinação e esperamos ampliar ainda mais os números de SP”, destaca a coordenadora do Plano Estadual de Imunização (PEI), Regiane de Paula.

Segunda dose e dose adicional

O estado está convocando 2,9 milhões de pessoas que ainda não tomaram a segunda dose da vacina contra a Covid-19 para que busquem os postos para se imunizar e, assim, concluir o esquema vacinal antes do Natal e do Ano-Novo.

O balanço contabiliza 707 mil pessoas que ainda precisam completar o esquema vacinal com o imunizante do Butantan (CoronaVac), outras 742,7 mil com o da Fiocruz (AstraZeneca/Oxford) e 1,5 milhão com o da Pfizer/BioNTech.

Para completar o esquema vacinal contra a Covid-19, são necessárias duas doses para a vacina do Butantan (intervalo de 28 dias), da Fiocruz (8 semanas) e Pfizer (21 dias). Caso o prazo seja ultrapassado, é fundamental que o cidadão procure um posto assim que possível para orientações e para completar a imunização. O esquema vacinal da Janssen prevê apenas uma dose.

Com relação à dose adicional, São Paulo já aplicou mais de 6,9 milhões de doses adicionais, sendo que mais de 1,1 milhão apenas nos últimos oito dias deste mês. O estado reduziu de cinco para quatro meses o intervalo de aplicação da dose adicional com base nas recomendações do Comitê Científico e de estudos internacionais.

Últimas