São Paulo SP começa a vacinar contra Covid crianças de 3 e 4 anos indígenas e com comorbidades nesta quarta

SP começa a vacinar contra Covid crianças de 3 e 4 anos indígenas e com comorbidades nesta quarta

Público só pode receber a CoronaVac. Crianças desta idade sem comorbidades podem tomar doses remanescentes do imunizante

  • São Paulo | Do R7

Crianças com comorbidades, deficiência e indígenas podem receber a vacina anti-Covid

Crianças com comorbidades, deficiência e indígenas podem receber a vacina anti-Covid

SMSA/Divulgação

A cidade de São Paulo vai começar a vacinar contra a Covid-19, nesta quarta-feira (20), crianças de 3 e 4 anos com comorbidades (exceto imunossuprimidas), deficiência permanente (física, sensorial ou intelectual) e indígenas. A informação foi confirmada pela Secretaria Municipal de Saúde nesta terça-feira (19).



Crianças dessa faixa-etária sem comorbidades poderão ser inscritas nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) para receber doses remanescentes a partir também desta quarta.

A inscrição pode ser feita em uma unidade próxima à residência ou escola, e os responsáveis devem apresentar documentação com endereço e telefone para convocação. A única vacina autorizada para esse público é a CoronaVac.

Documentação necessária

Para que a criança receba a vacina, os responsáveis deverão apresentar documento de identificação (preferencialmente com CPF). Para a comprovação das condições de saúde, é necessário apresentar comprovante de condição de risco, como receitas ou relatórios físicos ou digitais, desde que haja identificação do paciente, CRM com carimbo do médico e validade de dois anos de emissão.


Até o momento, na capital, 1.015.723 crianças de 5 a 11 anos receberam a primeira dose contra a Covid-19, com cobertura vacinal de 93,8%, e 789.768 tomaram a segunda dose, com cobertura de 72,9%. Entre os adolescentes de 12 a 17 anos, a cobertura vacinal para duas doses está em 105,9%.

Na capital, ao todo, há mais de 313 mil crianças entre 3 e 4 anos, 155 mil delas com 3 anos e 158 mil com 4 anos.

Últimas