São Paulo SP: Homem invade casa, faz família refém e troca tiros com policiais

SP: Homem invade casa, faz família refém e troca tiros com policiais

Na negociação para liberar os reféns, um policial do Gate e o suspeito ficaram feridos. Caso ocorreu na madrugada desta terça

  • São Paulo | Vania Souza, da Agência Record

Caso ocorreu em Santo André, na Grande São Paulo

Caso ocorreu em Santo André, na Grande São Paulo

Reprodução/Record TV

Um homem invadiu uma casa e fez uma família refém na Rua Pedro Goes, 109, em Santo André, na grande São Paulo, às 3h50 desta terça-feira (16). Na negociação para liberar os reféns, um policial do Gate (Grupo de Ações Táticas Especiais) e o suspeito ficaram feridos.

A Polícia Militar foi acionada para uma ocorrência de briga no local. Ao chegar no endereço, encontraram um homem com uma pistola que se refugiava na residência.

Segundo o Tenente Coronel Racorti, do Gate, o suspeito invadiu a casa para executar a família moradora do local. Os moradores da residência conseguiram se trancar em um quarto e chamar a Polícia Militar.

O batalhão que atende a área chegou no endereço e foi recebido a tiros pelo criminoso. Segundo Racorti, o suspeito chutava a porta e efetuava disparos.

O Gate foi acionado para prestar apoio na ocorrência. O suspeito ficou dentro da residência e se recusava a falar qualquer coisa com as equipes do Gate. Ele atirou contra os negociadores.

Segundo a Capitã Aline, da Polícia Militar, a pistola do homem estava programada para rajadas e ele efetuou cerca de 15 disparos contra a equipe do Gate. Um policial foi atingido no braço por um disparo e houve troca de tiros.

De acordo com o Tenente Racorti, foi necessário usar um robô especial para filmar o interior da residência e verificar se o suspeito necessitava de socorro e a situação no interior da casa.

Dentro da residência, o suspeito estava deitado com uma arma.

As equipes do Gate entraram na residência e foram recebidos a tiros.

O suspeito foi baleado e ficou gravemente ferido. Ele foi socorrido e recebeu atendimento médico.

A polícia ainda não sabe a motivação do crime.

O suspeito já possui diversas passagens pela polícia e faz parte de uma facção criminosa que atua nos presídios de São Paulo. Há alguns anos ele foi preso com inúmeras armas, inclusive fuzis e, posteriormente, uma arma turca.

Primeiro dia de fase emergencial tem centro esvaziado em SP

O policial ferido foi atingido no braço e socorrido. O sangramento do ferimento foi estancado e ele passa bem. O suspeito está gravemente ferido, mas não há informações do hospital para onde foi levado.

Mais de vinte viaturas da Polícia foram deslocadas para atender a ocorrência.

A delegacia da área é o 3º Distrito Policial de Santo André.

Últimas