São Paulo SP: Professoras e mães protestam contra fechamento de creches

SP: Professoras e mães protestam contra fechamento de creches

Manifestantes disseram que não foram avisadas previamente e que foram surpreendidas com a decisão da prefeitura de SP

  • São Paulo | Rodrigo Martinez, da Agência Record*

Ato ocorre na zona norte de SP

Ato ocorre na zona norte de SP

Reprodução

Um grupo de professoras e mães de alunos faz manifestação contra o fechamento de sete creches municipais. O ato ocorre na Vila Nilo, zona norte de São Paulo, e teve início às 11h30 desta quarta-feira (7).

Segundo uma das manifestantes, a prefeitura fechará cinco creches na zona norte e duas na zona sul da capital.

As mães e professoras disseram à reportagem que não foram avisadas previamente e que foram surpreendidas com a decisão da prefeitura.

Quase 100 profissionais da educação serão demitidos e ficarão sem empregos, segundo as manifestantes. Além disso, os alunos também serão prejudicados com o fechamento das unidades.

A reportagem solicitou uma nota de posicionamento à Prefeitura de São Paulo.

As organizadoras emitiram um comunicado a respeito do fechamento das unidades:

Mediante ao fechamento das creches:

CEI TREM DAS ONZE, CEI: (Rua: José Fliglioline, 583 Vila Nilo)
CEI ESTRELA DO AMANHÃ- (Rua: Faustino Mendes, 25  Jardim Joamar)
CEI ACONCHEGO- (Rua: Ushikichi Kamiya,351- Parque Casa da Pedra)
CEI MUNDO DE SOFIA Rua: Antônio de Portugal- Jardim Daysy)
CEI ÁRVORES DA VIDA Rua: Márciano Carneiro, 161 Vila Paulistana)
CEI LUZ DO AMANHÃ
CEI PEQUENOS PASSOS

Convocamos todos trabalhadores, pais e mães das Creches dessas crianças, membros do fórum da criança e adolescente, líderes comunitários e ativistas pelos sociais a defenderem o direito das crianças e os trabalhadores.

Que apesar de estarem todos em estabilidade trabalhistas pela categoria e pela PL da pandemia estão sendo jogados no olho da rua.

*estagiário da Agência Record, sob supervisão de Mariana Rosetti

Últimas