Saúde Farmacêutica nos EUA inicia testes avançados de remédio contra covid

Farmacêutica nos EUA inicia testes avançados de remédio contra covid

Remédio molnupiravir, de uso oral, será testado em 1.300 pessoas para analisar a eficácia contra a disseminação do vírus

Reuters
Remédio contra a covid-19 
começara a ser testado em humanos

Remédio contra a covid-19 começara a ser testado em humanos

Merck Sharp & Dohme/Divulgação via REUTERS

A farmacêutica MSD (Merck Sharp & Dohme), nos Estados Unidos, e sua parceira Ridgeback Biotherapeutics anunciaram nesta quarta-feira (01) que iniciaram a inclusão de pacientes no estágio avançado de testes do medicamento experimental molnupiravir para a prevenção da infecção pela covid-19.

O medicamento antiviral administrado por via oral será estudado em mais de 1.300 voluntários para analisar se ele impede a disseminação do coronavírus.

A farmacêutica disse em junho que o governo dos Estados Unidos concordou e pagar cerca de U$S 1,2 bilhão de dólares (cerca de R$ 6,2 bilhões de reais) por 1,7 milhão de unidades de seu tratamento experimental para a covid-19, caso ele se prove eficaz em teste em estágio avançado, separado e em andamento autorizado pelos reguladores norte-americanos.

O novo estudo em estágio avançado está incluindo pacientes com pelo menos 18 anos de idade e que estejam no mesmo domicílio de alguém infectado com covid-19 sintomática.

Últimas