Saúde Novavax: agência europeia analisa autorização de vacina anti-Covid

Novavax: agência europeia analisa autorização de vacina anti-Covid

Em nota, a EMA (Agência Europeia de Medicamentos) anunciou que pode emitir um parecer em 'algumas semanas'

AFP
  • Saúde | por AFP

Vacina anti-Covid da Novavax é aplicada em duas doses, com intervalo de três semanas

Vacina anti-Covid da Novavax é aplicada em duas doses, com intervalo de três semanas

Justin Tallis/AFP - Arquivo

A EMA (Agência Europeia de Medicamentos) anunciou nesta quarta-feira (17) que começou a avaliar um pedido de autorização na União Europeia para a vacina anti-Covid da farmacêutica americana Novavax e que pode emitir um parecer em "algumas semanas".

"A EMA começou a avaliar um pedido de autorização de comercialização condicional para a vacina anti-Covid da Novavax", disse o regulador da UE em um comunicado.

“A avaliação será realizada em um cronograma acelerado”, informou a EMA. Segundo a agência, o parecer sobre a autorização de introdução no mercado pode ser emitido “em questão de semanas”.

A vacina, que pode se tornar a quinta autorizada na União Europeia, usa uma tecnologia diferente das utilizadas em vacinas já validadas no mundo.

É uma vacina chamada de "subunidade", baseada em proteínas que desencadeiam uma resposta imunológica, sem vírus. Pode ser armazenada a uma temperatura entre 2 e 8 graus, o que facilitaria sua distribuição.

Últimas