Número de mortos por coronavírus na China sobe para 9

Mais de 400 pessoas já foram contaminadas e doença se espalhou para países vizinhos e os EUA. China vai adotar programa de prevenção Classe A

China confirma nona morte por doença misteriosa

China confirma nona morte por doença misteriosa

Stringer China / EPA - EFE - 19.1.2020

O número de mortos pelo coronavírus, na China, subiu para 9, com mais casos sendo reportados no país e a doença se espalhando para países vizinhos e os Estados Unidos.

Autoridades chinesas disseram nesta quarta-feira (22) que pelo menos 453 casos foram confirmados no país, com três novas mortes em Hubei, província da qual Wuhan é a capital, em Macau e na ilha autônoma de Taiwan.

Outros casos foram confirmados na Coreia do Sul, Tailândia, Japão e na terça-feira (21) foi confirmado o primeiro caso nos Estados Unidos. Há uma suspeita de infecção na Austrália. Pelo mundo, já foram registrados 461 casos da doença coronária.

A Organização Mundial de Saúde vai realizar um encontro de emergência nesta quarta-feira (22) em Genebra para discutir a doença e quais recomendações devem ser adotadas no caso de suspeitas, incluindo exames em fronteiras, vigilância e implementação de programas de tratamento.

A China vai adotar um sistema de prevenção Classe A, usado para doenças como a praga e cólera. A última vez que o país teve que usar medidas extremas foi em 2009, durante o surto de H1N1. Agora, oficiais vão podem isolar áreas contaminadas e deixar pacientes de quarentena.

Foram registrados mais de 2 mil casos de “contato próximo” com pessoas infectadas, outros 715 pacientes tiveram alta depois que as suspeitas foram eliminadas e outras 300 estão sob observação médica.

Ainda não se sabe como a doença se espalha e o que a causa. A maior preocupação do governo chinês agora é a possibilidade de a doença se propagar ainda mais durante o Ano Novo Lunar, quando milhões de chineses viajam pelo país para encontrar as famílias. Todas as viagens para Wuhan foram canceladas e os passageiros serão reembolsados.