Saúde Quase 10% dos adolescentes já experimentaram cigarros eletrônicos, revela estudo global

Quase 10% dos adolescentes já experimentaram cigarros eletrônicos, revela estudo global

Segundo artigo publicado na revista Addiction, incidência é maior em países com impostos mais altos sobre o tabaco

  • Saúde | Do R7

Um em cada 12 adolescentes já utilizou cigarros eletrônicos

Um em cada 12 adolescentes já utilizou cigarros eletrônicos

Freepik

Estudo publicado nesta segunda-feira (16) na revista científica Addiction revela que aproximadamente um em cada 12 adolescentes já utilizou cigarros eletrônicos, em um período de 30 dias. O número corresponde a uma porcentagem de 8,6% e foi mais incidente em países com impostos mais altos sobre o tabaco.

O uso frequente desse produto, caracterizado pelo consumo durante mais de dez dias, somou 1,7%, o equivalente a um em cada 60 jovens. O dado evidencia que os adolescentes estão experimentando mais os vapers, embora os utilizem com pouca frequência.

A conclusão se baseou na análise da Pesquisa Global sobre Tabaco para Jovens, desenvolvida pela OMS (Organização Mundial da Saúde) entre 2015 e 2018, que obteve 151.960 relatos de adolescentes com idade entre 13 e 15 anos. O estudo foi diverso e incluiu 47 países de renda média-baixa, média-alta e alta.

Segundo o principal autor, Gary CK Chan, o resultado mostra que, apesar da baixa frequência, ainda há ações que devem ser tomadas para conter o consumo dos cigarros eletrônicos.

“As taxas de prevalência de vaping frequente entre os jovens são baixas globalmente. No entanto, precisamos ter políticas abrangentes, como aplicação estrita de restrições de idade, tributação, limitação das concentrações de nicotina e proibições de publicidade, para evitar a aceitação entre os jovens”, disse ele, em comunicado.

Últimas