Tecnologia e Ciência Após ter conta reativada, Trump esnoba Twitter e diz não ter interesse em voltar à rede social

Após ter conta reativada, Trump esnoba Twitter e diz não ter interesse em voltar à rede social

Elon Musk, dono da plataforma, organizou enquete em que 51,8% dos participantes votaram a favor do restabelecimento do perfil 

Resumindo a Notícia

  • 'Não vejo nenhuma razão para isso', disse Trump, sobre voltar ao Twitter
  • Ele ainda afirmou que manteria sua nova plataforma Truth Social
  • Pouco mais de 15 milhões de usuários do Twitter votaram na enquete organizada por Musk
  • Trump foi banido da plataforma de mídia social por incitar a violência
Reprodução da página no Twitter do então presidente dos EUA, Donald Trump

Reprodução da página no Twitter do então presidente dos EUA, Donald Trump

Reprodução / Twitter

Mesmo após o empresário Elon Musk, dono do Twitter, restaurar a conta de Donald Trump na rede social no último sábado (19), o ex-presidente dos Estados Unidos declarou que não tem interesse em voltar à plataforma.

“Não vejo nenhuma razão para isso”, disse Trump, por vídeo, quando questionado sobre o assunto durante reunião anual de liderança da Coalizão Judaica Republicana.

Ele afirmou que manteria sua nova plataforma Truth Social, o aplicativo desenvolvido por sua startup Trump Media & Technology Group (TMTG), que disse ter melhor engajamento do que o Twitter e que estava indo "fenomenalmente bem".

Pouco mais de 15 milhões de usuários do Twitter votaram na enquete organizada por Musk, com 51,8% declarando-se a favor do restabelecimento da conta de Trump, que foi banido da plataforma de mídia social por incitar a violência no episódio do ataque ao Capitólio, em Washington, em janeiro de 2021.

Logo após o anúncio dos resultados da pesquisa, Musk tuitou: "O povo falou. Trump será reintegrado".

Com crise no Twitter, usuários buscam Koo, novo rival da rede social de Elon Musk

Últimas