Apple apresenta iOS 16 e novos modelos de MacBook

Empresa de tecnologia apostou na integração dos aparelhos da marca e nas novidades para personalização dos dispositivos

Resumindo a Notícia

  • Em evento aos desenvolvedores, a Apple apresentou os novos sistemas operacionais
  • Foram exibidos também os novos MacBook Air e MacBook Pro
  • Marca também divulgou novidades para o Apple Carplay
  • Celulares da marca agora poderão ser usados como câmera nos MacBooks
Apple aposta na personalização de itens para o novo iOS 16

Apple aposta na personalização de itens para o novo iOS 16

Reprodução/Apple

A Apple organizou nesta segunda-feira (6) o evento anual direcionado aos desenvolvedores da marca, onde divulgou as novidades do iOS 16 e as novas versões dos computadores portáteis da marca, o MacBook Air e o MacBook Pro.

O sistema operacional iOS 16, que será disponibilizado para download a partir de setembro, aposta na personalização da tela de bloqueio dos iPhones. O usuário poderá mudar a fonte dos textos, adicionar informações sobre tempo, alarmes, nível de bateria, e até inserir informações de eventos ao vivo, como o placar de partidas de basquete ou futebol.

Diferentemente das versões atuais do iOS, as notificações de aplicativos com a tela bloqueada serão exibidas na barra inferior da tela, logo acima dos ícones de lanterna e câmera. A mudança busca deixar a área mais limpa e dar destaque à foto ou ao papel de parede do usuário.

Outro grande destaque da marca para a atualização do sistema operacional são os recursos de fotos. Pelo iCloud, grupos poderão contribuir em tempo real com imagens e vídeos para álbuns.

Nova função promete selecionar itens nas fotos para compartilhar

Nova função promete selecionar itens nas fotos para compartilhar

Reprodução/Apple

O iOS 16 também contará com um recurso para selecionar elementos em uma fotografia e copiá-los, permitindo que sejam compartilhados de maneira isolada em uma conversa.

Ainda na área das câmeras, a Apple divulgou que será possível apontar o celular para textos e conseguir traduzi-los instantaneamente. Outra função desta ferramenta é a conversão de preços para outras moedas em apenas um toque.

Pouco utilizado pelos brasileiros, o aplicativo de mensagens nativo do iPhone traz novidades que podem dar nova vida ao programa. Assim como no WhatsApp, será possível editar as mensagens enviadas. A grande novidade, sem dúvidas, é a possibilidade de assistir a streamings simultaneamente com amigos pelo app, permitindo conversar sobre o episódio de uma série, por exemplo.

Para os pais, os recursos de controle familiar terão como opção a criação de perfis que limitem a faixa etária dos conteúdos que eles poderão acessar em diferentes aplicativos. Os responsáveis também conseguirão liberar mais minutos de tela para os filhos usando o app nativo de mensagem da Apple, caso eles solicitem.

O iOS 16 será compatível com toda linha dos iPhones 13, iPhone 12, iPhone 11, iPhone X, iPhone 8 e iPhone SE (segunda geração ou posterior).

Novo MacBook a partir de R$ 13.299

Em quatro cores, MacBook Air terá pouco mais de 1 kg e 1 cm

Em quatro cores, MacBook Air terá pouco mais de 1 kg e 1 cm

Reprodução/Apple

A Apple também lançou os novos computadores portáteis da marca, o MacBook Air e o MacBook Pro. A linha vem com a família de chips M2 — uma evolução do M1, que equipava os notebooks da empresa na geração anterior.

O M2 promete maximizar a performance de rendimento dos computadores, enquanto minimiza o uso de bateria. Os novos chips também ganharam destaque na parte gráfica, capaz de transmitir imagens em resoluções 4K e 8K.

O MacBook Air, computador de entrada da Apple, pesará apenas 1,2 kg e terá a espessura de pouco mais de 1 cm. A tela de 13,6 polegadas exibirá até 1 bilhão de cores diferentes.

Apesar de fino e leve, o MacBook Air vem equipado com uma câmera de 1080 px e quatro alto falantes. Segundo a Apple, ele é 38% mais rápido para edição de vídeos e 25% para edição de fotos, se comparado com a versão anterior. Com o carregador novo, será possível recarregar 50% da bateria em 30 minutos, com autonomia total de até 18 horas.

O MacBook Pro, por sua vez, também receberá os chips M2, que tornarão o computador mais eficiente para trabalhos exigentes ao computador, como edição de vídeos e jogos. A bateria do computador tem capacidade de até 20 horas de uso sem recarga.

Tanto a versão Pro quanto a versão Air serão lançadas já em julho. O preço sugerido para o mercado brasileiro é R$ 13.299 para o notebook de entrada da Apple, em quatro cores diferentes, enquanto o mais caro sai por R$ 14.499.

Outras novidades

Apple deseja integrar o Carplay ao painel, deixando de ser presente apenas nas centrais multimídia

Apple deseja integrar o Carplay ao painel, deixando de ser presente apenas nas centrais multimídia

Reprodução/Apple

Um dos destaques da apresentação da Apple foram os novos recursos do Carplay — app da companhia integrado a carros de diferentes montadoras. A marca deseja integrar o assistente veicular com o painel do automóvel, dando o visual e funções da empresa para itens básicos, como velocímetro, contador de giros e nível de gasolina.

A ideia da Apple é deixar a central multimídia dos carros personalizável, permitindo a alteração das cores do painel até os formatos e informações disponíveis ao motorista, incluindo caminhões no aplicativo Mapas.

Assim como os iPhones vão ganhar um novo sistema operacional, os relógios, tablets e computadores da Apple receberão atualizações em breve. A grande novidade fica reservada aos MacBooks, que agora poderão usar a câmera dos celulares da marca para chamadas de vídeo.

Com conectividade sem fios, a Apple promete que a câmera UltraWide dos iPhones poderá filmar até a mesa onde o computador está, se assim o usuário desejar.

Últimas