Tecnologia e Ciência Chega de 123456! Crie senhas mais seguras e fáceis de memorizar

Chega de 123456! Crie senhas mais seguras e fáceis de memorizar

Datas de aniversário, nome do filho e sequências simples de números podem deixar contas na internet vulneráveis à ação de criminosos

risco na rede

Senhas simples demais são um risco para quem navega na internet

Senhas simples demais são um risco para quem navega na internet

Pixabay

Escolher uma senha difícil de ser descoberta e ao mesmo tempo fácil de ser lembrada é um desafio para todo mundo na hora de criar um login. Para evitar algum transtorno, é muito comum optar por combinações de datas de aniversário, nomes de filhos e uma sequências de números. 

A empresa de segurança digital Splash Data publicou no fim do ano passado o ranking das 25 senhas mais usadas na internet. A primeira posição ficou com "123456" que reina como a preferida há alguns anos. Entre as 10 primeiras posições do levantamento, sete são sequências simples de números, como "123456789" e até "111111".

O Google, o Facebook e o LinkedIn enfrentaram problemas recentes com o vazamento de senhas e logins. Esse grande volume de dados disponibilizado sem controle é uma brecha de segurança que pode afetar usuários em outras plataformas.

"Os hackers usam programas que testam o mesmo padrão de uma senha vazada e em outros perfis e e-mails. Sempre que ocorrer esse tipo de falha de segurança é melhor reciclar todas as senhas", explica o hacker especialista em segurança digital, da Flipside, Igor Rincon.

Existem alguns comportamentos que facilitam a ação de hackers. Anotar os logins em um papel ou em uma agenda não é o ideal no quesito segurança digital.

"Às vezes a pessoa anota a senha em papel e cola no monitor do trabalho ou alguém escreve essa informação em uma lousa na sala de reunião, assim uma selfie ou uma foto qualquer no escritório pode expor o login para todos" diz Rincon.

A melhor maneira de criar uma senha forte é usando informações pessoais que não estão disponíveis facilmente na web. Juntar a idade do filho com o nome do cachorro é uma combinação muito simples de ser descoberta.

Uma dica do hacker para se proteger é pensar em uma frase e pegar a inicial de cada palavra. A frase "eu gosto de brigadeiro", por exemplo, resulta na sequência EGDB, que ao ser unida com números e caracteres especiais cria uma senha única e mais segura, como EGDB@2019.

Uma forma de dificultar o uso de um login por terceiros é ativar a dupla verificação, recursos de segurança presente em quase todas as redes sociais, que exige um código para cada novo acesso. Rincon orienta também a criar o hábito de trocar as senhas a cada seis meses e usar programas que gerenciam senhas para evitar esquecimentos.

Quando alguém teve perfis e e-mails invadidos, alguns sinais podem indicar o problema. "Sistemas muito lentos, mensagens de pessoas desconhecidas e muitos emails promocionais podem ser indícios de que alguém está usando o seu login", explica o coordenador do curso de Defesa Cibernética da FIAP, Humberto de Souza.